Skip to content

Fim do Embargo. ¡Coño! O Deão dos cubanos quer invadir os EUA

Hirochi Robaina, neto e herdeiro “do” império de charutos cubanos, está em contagem decrescente para tomar de assalto as lojas norte-americanas assim que o fim do embargo o permitir. Don Alejandro Robaina não viveu o suficiente para ver este dia mas dedicou toda a sua vida a uma das mais emblemáticas, preciosas e desejadas exportações cubanas – ao ponto de Kennedy só ter assinado o embargo depois de encher a despensa com 1200 charutos… Comecemos por aí

Robaina

Meses depois do desastre da baía dos Porcos, John F. Kennedy liga para Pierre Salinger, então porta-voz do governo dos EUA. “Preciso de ajuda… preciso de charutos”, disse-lhe. “De quantos é que precisa?”, questionou Salinger. “Mil.” E para quando? “Até amanhã de manhã.” Salinger, que também fumava charutos, activou os seus contactos. “Liguei para as lojas que frequentava.” No dia seguinte, “logo às 8h da manhã”, Salinger já estava a ser chamado à Sala Oval. “Entra, entra… Conseguiste?” perguntou Kennedy…

Continuar a ler: Parte 1 ; Parte 2

in: Jornal i, 7 Março 2015

Anúncios

Comentar

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: