Skip to content

De Lisboa a Milfontes, passando pela Sardenha

Culpa do GPS, da distracção do condutor ou de as praias do Mediterrâneo serem uma tentação, Filipe Paiva Cardoso precisou de 22 dias num carro para ir de Lisboa a Milfontes. Numa viagem que o levou a San Sebastian,Hossegor, Córsega ou Sardenha

Meio planeado, meio ao calhas. Meio “Guide du routard”, meio “American Express”. Meio conta,meio Visa. Três semanas e 4400 quilómetros para ir a Salamanca, San Sebastian, Hossegor, Carcassone, Córsega, Sardenha e Tarragona, até chegar ao último destino, Milfontes. Orçamento: 3200 euros para duas pessoas, financiado pelos mercados das pessoas que trabalham no privado: subsídios de férias e parte do ordenado do mês seguinte – além do Visa para hotéis e bilhetes dos ferries.

O plano inicial era chegar à Croácia. Depois (austeridade oblige) passou para a Normandia. Não, fica para depois. Córsega e Sardenha? Talvez. Contas feitas, reduziu-se a estada na Córsega a duas noites e aumentou-se para seis na Sardenha, o que permitiu compensar os custos de passar pela Córsega. OK, habemus viagem.

 

Ler artigo – 1ª Parte; Ler artigo – 2ª Parte; Ler artigo – 3ª Parte; Ler artigo – 4ª Parte

in: Jornal i, 7 de Julho 2012

Anúncios

Comentar

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: